Dilatação de Pupilas

Como funcionam os colírios para dilatar as pupilas?

Os colírios para dilatar as pupilas contém substâncias que fazem aumentar o diâmetro das mesmas. Existem, basicamente, dois tipos de colírios dilatadores (midriáticos): um que estimula a contração dos músculos que fazem a pupila aumentar (como a fenilefrina) e outro tipo que faz os músculos responsáveis pela contração da pupila relaxarem (como o ciclopentolato). A tropicamida também pode ser usada para dilatar as pupilas.

Pupila dilatada.

 

Pupila normal (não dilatada).

 

Porque é necessário dilatar as pupilas?

Porque, com as pupilas dilatadas, o médico oftalmologista consegue fazer um exame mais completo do fundo dos olhos e, assim, diagnosticar doenças que podem afetar a visão. Além disso, com as pupilas “paralisadas” o exame para verificar o grau dos óculos (exame de refração), em crianças, fica muito mais preciso.

Quanto tempo dura o efeito da dilatação?

Entre 3 e 24 horas, dependendo da substância (tipo de colírio), da concentração do medicamento e da suscetibilidade de cada indivíduo.

Quais são os efeitos colaterais da dilatação de pupilas?

Os principais efeitos são fotofobia (sensibilidade à luz) e dificuldade de visão (principalmente para perto). Esses dois sintomas desaparecem gradualmente. Usar óculos escuros após o exame oftalmológico ajuda a diminuir o desconforto. Reações alérgicas são raras e incluem “inchaço” nas pálpebras e hiperemia conjuntival (“olho vermelho”).

Open chat