Avanços nas pesquisas genéticas sobre DMRI neovascular

Em estudo divulgado recentemente na revista científica British Journal of Ophthalmology, pesquisadores avaliaram o papel do gene SERPING1 na DMRI neovascular, através da análise de três SERPING1 tSNPs. O estudo revelou que os tSNPs rs1005510 e rs2511989 estão associados à DMRI neovascular, com o rs1005510 conferindo um efeito de risco adverso (OR=1,49) e o rs2511989, um efeito protetor (OR=0,73). Estas descobertas poderão ajudar os pesquisadores a entender melhor a DMRI neovascular e a desenvolver novos tratamentos para esta doença no futuro.

Fonte: British Journal of Ophthalmology, Julho de 2010.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *